Bar Dois Irmãos (SP) agora serve pizzas

N°.20170322

Por: Claudio Schapochnik

Um dos sócios da casa, Luiz Marsaioli, exibe uma das pizzas assadas no forno à lenha produzido em Napoli, na Itália

Fundado em 1958 o Bar Dois Irmãos, localizado no Campo Belo (Zona Sul de São Paulo), deu uma mexida no cardápio e agora serve pizzas. Na semana passada, o estabelecimento inaugurou um espaço com forno à lenha napolitano e um cardápio com 26 coberturas da redonda.

A reportagem do TurismoEtc esteve na noite da inauguração e aprovou as pizzas. Os destaques seguem para a massa, bem fina, mas sem ser da espessura de uma folha de papel, e a cobertura – no ponto, sem mais nem menos e, assim, todos os ingredientes chegam bem assados regularmente.

As pizzas podem ser pedidas nos tamanhos “caçulinha” (versão pequena, a partir de R$ 32, com quatro pedaços) ou “brother” (a grande, com oito pedaços, a partir de R$ 52). As pizzas podem vir, ainda, como aperitivos, para compartilhar com os amigos entre um chope e outro da casa.

Pizza de aliche: um dos destaques da casa

A pizza de calabresa: segundo Marsaioli, a receita do embutido é tradicional italiana e produzida de forma artesanal

Em relação aos sabores, as pizzas vão dos clássicos (aliche, muçarela, calabresa, portuguesa, quatro queijos, romana, atum) às novidades como a pizza do boy, criada por um dos sócios (carpaccio, molho especial de mostarda, alcaparrinhas e parmesão, R$ 36 e R$ 56), pizza do marcelão (pancetta, cogumelos-de-paris e muçarela, pode vir também com shiitake, R$ 38 e R$ 58) e a pizza da casa (que reúne calabresa artesanal picadinha na faca, muçarela, manjericão e azeitonas pretas, R$ 36 e R$ 56).

O bar homenageia outro ícone da cidade, a pizzaria Venite, fundada por João Malagueta, na Vila Mariana, e inclui sabor homônimo no menu. A Venite combina pesto de manjericão, finas fatias de tomate e mozarela (R$ 34 e R$ 54). Bem-humorado, o cardápio alerta que a Murillo (cobertura de ovos de codorna, cebola caramelizada, parmesão, pancetta e pimenta-do-reino, R$ 36, disponível apenas na versão caçulinha) é uma pizza que passou, com louvor, na OAB (Ovos and Bacon) e que a bafo de maçarico (molho de tomate, alho e parmesão, R$ 34 e R$ 54) é à prova de vampiro.

A pizza do marcelão, uma das novidades do menu, é preparada com pancetta, cogumelos-de-paris e muçarela (foto divulgação/Mário Rodrigues)

A pizza de muçarela: cobertura na exata medida, pois todo o conteúdo vem derretido à mesa

CHOPP E PETISCOS
O bar, fundado pelos irmãos portugueses José e Manuel de Souza e tocado hoje por ex-frequentadores e moradores do bairro, é reconhecido como um dos melhores chopes e de colarinho mais cremoso de São Paulo.

A chopeira permanece intacta ao lado de outras relíquias da casa, como um gramofone e uma serpentina tão antiga quanto a própria casa. Chope, como dizem os especialistas na arte, tem de ser bem tirado. “Não há um só segredo, são vários. Desde onde seguramos no copo até a temperatura do ambiente, inclinação do recipiente, a vazão do chope e até o tamanho do colarinho. Tudo aqui é feito artesanalmente e milimetricamente”, explica Leonardo Brandão, que trabalha na casa há 20 anos.

O famoso chopp do Bar Dois Irmãos (foto divulgação/Mário Rodrigues)

O menu mantém os clássicos de boteco, como o tradicionalíssimo bolinho de bacalhau do Seu Zé, o fundador, a calabresa acebolada, os pasteizinhos, e até algumas inovações feitas no forno a lenha, como berinjelas grelhadas e corniciones crocantes. Aos fins de semana, oferece bufê de feijoada e música ao vivo.

“Mais para frente vamos oferecer uma coxinha que promete fazer muito sucesso”, disse ao TurismoEtc um dos sócios da casa, Luiz Marsaioli. “É um receita fantástica do Rio de Janeiro”, assegura Masaioli.

A caipirinha de vodka de morango com tangerina, provada pela reportagem do TurismoEtc, é uma delícia

SERVIÇO:
Bar Dois Irmãos
Rua Demóstenes, 55, Campo Belo, São Paulo-SP
Tel. (11) 5093-1927
Capacidade: 150 lugares
www.bardoisirmaos.com.br

Avianca – Fundo Destaque

Assine nossa newsletter

Verifique os dados digitados no formulário